Grupo de Política Internacional

Europa das Ideias
03
Jun 09

 Ontem, Vital Moreira afirmou que “o PS casou-se com o europeísmo com a esquerda. Somos europeístas de esquerda. É esta a opção que temos para Portugal”.

 

Decerto o mesmo europeísmo que impeliu Ana Gomes a insistir, uma vez mais, num candidato alternativo do PSE, que contrarie a renovação da Comissão Barroso. Já Mário Soares uniu-se a Jospin, González e Schroeder – por sinal, o playmate da Gazprom no tão europeísta Northstream – no pedido de uma Comissão e de um Presidente de cunho socialista.

 

Vital Moreira, Ana Gomes e Mário Soares propõem para Portugal um “europeísmo de esquerda” que pretere o interesse nacional em função de difusas confluências ideológicas.


Talvez seja útil recordar como, em 1999, Soares perdeu para Nicole Fontaine a presidência do Parlamento Europeu ao apostar numa estratégia de “tudo ou nada”, recusando-se a dividir o mandato com a colega francesa. Porém a principal particularidade desta esquizofrenia do PS acerca da recondução, ou não, da Comissão Barroso é tornar público que, por detrás do azul-Obama da aura Sócrates e das gravatas impecáveis de Almeida Santos, há um “outro PS”- mais ideológico e conservador do que pragmático - que luta pelo reconhecimento e que viu estas eleições europeias como uma oportunidade inesperada de visibilidade.
 
É, particularmente elucidativo, por exemplo, o contraste entre a campanha de Vital Moreira e sua entourage e a entrevista de Luís Amado ao i de hoje, que, embora, levante problemas acerca do conteúdo, não contraria quanto à forma.

A principal questão, agora, é saber se é este “outro PS” que queremos a representar o interesse nacional na Europa, em especial, num momento em que José Sócrates já tomou consciência que Vital dificilmente o representará em qualquer círculo político, seja em Estrasburgo/Bruxelas  seja na fila para a máquina do café no Largo do Rato.

 
publicado por André Pires às 22:51

pesquisar
 
sobre nós
Somos um grupo de jovens pró-europeus, que pretende contribuir para o avanço do projecto de integração europeia fomentando o debate de ideias sobre as grandes questões da actualidade, recordando a história da Europa.
desenvolvimento: Oceanlab
blogs SAPO